Resenha: A poção secreta - Amy Alward

08:47

 O amor. Ah, o amor - ele é lindo, não é?! Mas será que é inofensivo? A realeza e os alquimistas do Reino Nova possuem a certeza - e a prova concreta- de que a resposta correta é não; ainda mais quando este amor surge a partir de uma poção mágica.

Poções mágicas foram banidas do Reino de Nova há décadas atrás, por ser incrivelmente perigosa para aqueles que a manejam, mas isso não impediu que a Princesa a usa-se em seu favor, e acabasse enfeitiçando a si mesma e comprometendo todo o reino.
Em total desespero para salvar a princesa, o Rei decide realizar uma Caçada Selvagem, que consiste em uma competição entre os alquimistas do reino para conseguirem criar a poção certa para desfazer o feitiço e trazer a princesa de volta para seu estado normal e lúcido.
Samantha Kemi tem um sobrenome que carrega história e magia ao longo dos séculos. Os Kemi sempre foram conhecidos por serem os melhores alquimistas do Reino, preparando as melhores poções com os melhores ingredientes encontrados, mas que perderam o posto após Zoroaster, uma empresa de poções com ingredientes sintéticos, e que agora dominavam o mercado.
Com 16 anos, Samantha é a responsável por aprender a arte de preparar poções e de aprender tudo o que for possível para manter a loja de sua família aberta. Apesar de fazer o  seu melhor, ela sabe que é impossível concorrer com toda a tecnologia de seus concorrentes sintéticos e que em breve, se a situação financeira não melhorar, terão que fechar as portas. 
E então, como em um passe de mágica, surge a chance perfeita para Sam conseguir reerguer o nome e a fama de sua família: conseguir achar um antídoto para curar a Princesa. Sam só tem um pequeno problema: ela não sabe os ingredientes certos e não faz idéia de como consegui-los.
Em uma competição acirrada que determinará o futuro não só dos negócios de sua família, mas também de todo o país, Samantha descobre que nem toda a tecnologia do mundo é capaz de deter uma alquimista determina e curiosa o suficiente para desvendar os ingredientes mais secretos e estranhos existentes.

Minha opinião:

Sabe aquela sensação de euforia e satisfação, que nos arrepia dos pés a cabeça, e parece que nos levara aos céus? Pois é exatamente isso que estou sentindo neste momento.
São 02:05 da manhã enquanto escrevo essa resenha, e eu não poderia esperar mais nenhum segundo sequer para escrever essa resenha e declarar meu amor mortal por esse livro e essa autora maravilhosa que acaba de se tornar uma da minhas maiores inspirações!
Samantha não é só uma adolescente com habilidades alquimistas em preparar poções, ela é corajosa, leal, honrosa e capaz de sacrificar os próprios sonhos - e até mesmo a própria vida- para salvar a de outras pessoas.
Apesar de já ter previsto um romance a caminho logo nos primeiros capítulos, fiquei feliz com o modo como a relação entre Sam a Zain se desenvolveu; a autora não teve pressa em construir uma relação baseada na confiança e companheirismo. 
A história é tão bem construída, tão bem desenvolvida e cativante, que quando dei por mim, a página cinco havia virado a página trezentos e dezenove, e a caçada já estava chegando ao fim - assim como minhas unhas, que foram roídas no processo de leitura. 
  Confesso que sou um pouco suspeita para falar sobre este gênero, mas este é simplesmente um dos melhores livros de fantasia que já li na minha vida - arrisco-me a dizer que talvez seja o mais envolvente e bem escrito - e eu PRECISO enaltece-lo! 

Além de nos prender com sua história, o livro também nos prende com seus detalhes gráficos; sua capa colorida com a ilustração do pote de poções com algumas ervas (que julgo serem um dos ingredientes procurados na caçada), é simplesmente uma das ilustrações mais bonitas da minha estante!
   Larissa Alves | Unicórnio Literário

VOCÊ PODERÁ GOSTAR DE:

0 comentários